Design

Desvendando a Biomimética e suas principais aplicações no design

Muitos já sabem, porém também há uma grande quantidade de pessoas, inclusive do ramo, que não tem conhecimento sobre o que é Biomimética, do que ela trata, quais os seus conceitos, etc. Embora esteja sendo tratado com maior destaque apenas recentemente, esse método de criação modelado por exemplos já conhecidos da natureza trazem cada vez mais possibilidades de experimentação e proximidade entre o ser humano e o seu entorno. Como diz a biomimeticista Janyne Benius a Biomimética “é uma ciência que estuda os modelos da natureza e depois imita-os ou inspira-se neles”. E é isso que criativos do mundo todo têm feito, visto na natureza formas e soluções para empregar em criações e projetos de utilidade humana.

Como na natureza as linhas retas são praticamente inexistentes, o produto criado através da Biomimética sempre conta com formas orgânicas e, muitas vezes, mais “rebuscadas”. Como foi dito aqui mesmo no site, no post Biomimética, conheça uma das áreas de mais potencial no Design essa ciência não se aplica apenas ao design de produto, mas também em outras áreas criativas como no design de moda, arquitetura, entre outros.

E quem pensa que esse estudo estrutural e estético da mãe natureza vem de atividades recentes, se engana. Um belo exemplo de arte inspirada pelas formas naturais são as obras do arquiteto espanhol Antoni Gaudí (1852-1926), que tem Barcelona como sua principal vitrine de exposições, abrigando grande parte de seus feitos que até hoje são referências quando o assunto é inspiração na natureza.

La Pedrera, projeto de Gaudí (Fonte Imagem: https://www.nattivus.com/en/Museums- Monuments/Gaudis-Pedrera-The-Origins-night-show-158)

Com o passar dos tempos a necessidade de adaptação e cuidado na hora de criar peças originais, sejam elas de qualquer área, se tornou ainda mais necessária, e a Biomimética passou a ser mais presente no universo criativo de pessoas do mundo todo.

Citamos aqui alguns exemplos onde a aplicação da Biomimética se faz presente.

Poltrona Acaú e Cadeira Cobra Coral, de Sérgio Matos.

Fonte Imagem: http://sergiojmatos.com/index.php/produtos/poltrona-acau/

Acaú é o nome de uma praia localizada na Paraíba, terra do designer Sérgio Matos, e é de lá que surge a inspiração para a criação de muitas de suas obras. A poltrona Acaú é fruto de estudo das formas do coral Chifre de Alce, fazendo referência à sua estética e textura na construção da obra, e, segundo o próprio site do designer, “reúne o conceito artesanal e sustentável em colaboração com as marisqueiras e artesãs de Acaú”.

Fonte Imagem: http://sergiojmatos.com/index.php/produtos/cadeira-cobra-coral/

Outra obra referência de Sérgio Matos é a cadeira Cobra Coral, que imita as formas e visual da espécie de mesmo nome. O revestimento de textura é todo feito com corda naval nas cores da espécie, e as formas dão a impressão de estarem se entrelaçando. É um design que foge do óbvio no contemporâneo brasileiro.

 

Chifruda, de Sérgio Rodrigues.

Fonte Imagem: http://www.modernidademoveis.com/blog/2010/10/28/moveis-com-designbrasileiro/ chifruda/

Um clássico do design no país. Inicialmente batizada de Aspas, a poltrona Chifruda de Sérgio Rodrigues ganhou o mundo com seu formato original, se tornando referência no mobiliário moderno brasileiro, e ganhando o apelido que persistiria com o passar dos tempos. Sua estética, que lembra chifres, se une a um revestimento de couro e estruturas de madeiras variadas.

Estádio Ninho do Pássaro, em Pequim.

Fonte Imagem: http://clorofila-design.blogspot.com.br/2011/09/arquitetura-beijing-aonatural. html

O estádio nacional de Pequim, que abrigou os Jogos Olímpicos de 2008, tem esse apelido devido a sua estrutura de ferro e aço que se entrelaça por toda a sua superfície externa, fazendo-o semelhante a um ninho de pássaros. O canal National Geographic fez um episódio inteiro do programa Obras Incríveis sobre ele, e se você tiver interesse em arquitetura ou simplesmente for um curioso, pode assistir aqui.

Nos dias atuais a preocupação com o uso correto de materiais, a sustentabilidade e aplicação de produtos tem se tornado crucial nos processos criativos, e é necessário que nós façamos uso disso. A Biomimética tem sido uma bela aliada aos criadores, e tem proporcionado também um maior conhecimento acerca da maior designer de todos os tempos: a Mãe Natureza, que além de não cobrar direitos autorais se algo for copiado, ainda tem os melhores exemplos de como as coisas devem ser utilizadas em seus meios. Sendo assim, a Biomimética está aí, em todo o lugar. Apenas o que precisamos fazer é observar e aplicar em nosso cotidiano, quando possível, para que assim consigamos chegar mais perto da eficiência e de um design “natural” e funcional.

Clique aqui para comentar ( )