Design

Porque é importante um manual de marca

Uma empresa é significado a partir de um conjunto de características específicas, que são mantidas durante a sua existência e é conhecida através destas. Qualquer instituição está enquadrada dentro de um perfil, tem uma cultura e sua forma de se posicionar. Esse conjunto de elementos é que a distinguem das outras.

A identidade da empresa pode ser representada através de elementos visuais, a partir das quais os clientes e apreciadores a conhecem. Que imagem nos a vem a mente quando falamos da multinacional Coca-cola? A primeira coisa, provavelmente seja a cor, a tipografia e só depois os seus produtos. Por isso que é importante a identidade visual, é parte da empresa, é como uma foto do que é a empresa ou organização.

Muitas vezes não basta conceber apenas a identidade visual. Referimo-nos a combinação entre símbolo e logotipo. É importante pensar em todo sistema de comunicação visual, é necessário colocar balizas sobre como deve ser a comunicação baseada em componentes visuais que desenhamos, como identidade de uma empresa. O manual de marca, também conhecido como manual de identidade visual (corporativa) é um documento técnico, concebido por designers gráficos, contendo um conjunto de recomendações, especificações e normas essenciais para a utilização de uma determinada marca. É um documento orientador sobre o uso de elementos visuais de uma determinada marca.

A Coca-cola, por exemplo foi fundada em 1892, nos EUA, apesar das suas actualizações é fácil qualquer um reconhecer os seus produtos. O tom do vermelho ´sempre aquele, a tipografia usada no texto “Coca-cola” é aquela. Há um conjunto de recomendações técnicas que orientam qualquer um que trabalha com a marca, de modo a não confundi-la.

O manual de marca permite preservar as propriedades visuais e facilitar a correcta propagação, percepção, identificação e memorização da marca.

Sem o manual de marca, corre-se o risco de se fazer um uso indevido da marca, perde-se referências, característica específicas que nos fazem reconhecer uma marca. Não basta apenas usar um “logo”, é importante saber como usar para manter a mesma imagem em todo material de comunicação.

 

Porque conceber um manual de marca?

A concepção de um manual de marca, beneficia não apenas ao cliente, mas ao próprio designer. Numa situação em que tenha de produzir matéria de comunicação da mesma empresa, as especificações presentes no manual o orientam. Se não for ele a conceber, na mesma situação, o que ele produziu não sobre distorções, considerando que o outro profissional terá balizas sobre como seguir. O manual mostra a correcta aplicação da identidade visual, seus elementos gráficos, o padrão cromático, tamanhos que a identidade pode possuir como também os possíveis erros de aplicação. Indica o padrão tipográfico a ser usado, as reduções mínimas, suas diferentes e possíveis versões a serem usadas, suas aplicações, entre outros.

Por descrever cada elemento criado o manual, evita-te erros seja na impressão ou na aplicação, economizando tempo e dinheiro.

 

Clique aqui para comentar ( )