Design

Produto direto da fonte (aparentemente)

Já comentei aqui em outros posts como o design de uma embalagem é mega importante para a venda e a impressão do produto no consumidor final. Pois bem, hoje eu venho mostrar mais uma dessas criações que a gente olha e na hora se identifica, seja pelo valor utilitário, pelo emocional ou simplesmente pela estética incrível.

Muitas embalagens podem, à primeira vista, ter um visual que você para e reflete: “Devia ter pensado nisso” ; e isso faz da ideia do designer ainda mais genial, uma vez que ele transformou um pensamento aparentemente simples em algo que causasse um grande impacto visual na hora do consumo. Afinal, não é isso que todos querem quando trabalham com o comércio?

Pois bem, essa embalagem é uma das que se encaixam perfeitamente nessa questão. Com um formato relativamente simples, um detalhe faz dela uma solução criativa para abrigar o produto principal: o leite. As formas em sua parte inferior se destacam formando pequenas tetas, fazendo referência às vacas, produtoras e armazenadoras (literalmente) do produto. A forma ainda é associada à uma padronagem  que lembra algumas manchas no corpo do animal, não sendo necessário nada mais para que se passe a ideia do produto. Simples e criativo.

Vasculhando pela internet também descobri outro produto que trás essa mesma estética, porém com conceitos diferenciados. Trata-se de uma embalagem desenvolvida do leite Soy Mamelle pela agência russa KIAN, que também imita o formato das tetas, com um diferencial: o leite contido no interior é de soja. Interessante, não?

O formato, claro, seria para remeter ao principal elemento, o leite. Já os componentes verdes, como as folhas, seriam para identificar o produto como 100% natural. Essa embalagem, inclusive, tem a textura do plástico um pouco mais mole, para poder remeter ainda mais fielmente à teta de uma vaca, mesmo que o conteúdo não saia dela.

Curioso; mas enfim, o que vale é a intenção.

Clique aqui para comentar ( )