Freela e Startup

Seu perfil nas redes sociais influencia na avaliação profissional, diz pesquisa.

Olá! Vamos continuar nossa  série de artigos #FOCOPRODUTIVIDADE que visa ajudar você a trabalhar com mais produtividade e qualidade.

No artigo Como produzir melhor e vencer a procrastinação, abordei a gestão de tempo e a técnica POMODORO (se você não conferiu, pare agora e clique aqui. Vale a pena! Depois expliquei como o TRELLO pode ajudar melhor a organizar seus projetos, equipes e até mesmo planejamentos pessoais.

Agora vamos falar algo de fundamental importância para sua vida profissional: como você usa suas redes sociais. Este artigo foi publicado por mim no blog dos meus parceiros da Spitze NetworkAlém dos cuidados que estamos abordando, um dos vilões da sua vida profissional é o mal uso das suas redes sociais. Então, vale a leitura e atenção com as dicas e cuidados que iremos abordar, ok?

Em redes cada vez mais dinâmicas, é possível registrar e compartilhar tudo. Entre diversos amigos, também estão colegas de trabalho e contatos profissionais. O que grande parte das pessoas não leva em conta é o que seu comportamento nas redes sociais pode ampliar ou destruir suas chances de uma contratação ou permanência no trabalho.

Uma pesquisa feita por uma das maiores consultorias de recrutamento de pessoal do mundo, com 210 executivos brasileiros, mostrou que 83% deles acreditam que o perfil dos candidatos nas redes sociais influencia na hora de fazer uma avaliação do profissional. Ao todo, 44% dos entrevistados disseram que um perfil negativo pode ser suficiente para desclassificar um candidato em fase de seleção. Apenas 39% dos executivos disseram que conversariam com um candidato mesmo se ele tiver um perfil considerado ruim na internet. | Fonte: Globo

Hoje, sou sócio fundador de uma empresa de Assessoria e Consultoria em RH e o que percebemos é que há uma mudança na solicitação de dados para um primeiro contato. Nestes, as redes sociais são peça chave para averiguar detalhes que podem ser escondidos na entrevista de emprego.

A grande questão é: o que é realmente ruim de expor nas redes sociais e o que ajuda quem está em busca de uma oportunidade de trabalho?

A resposta é simples: você provavelmente está se perguntando sobre sua liberdade de expressão e que seu perfil é um ambiente privado. Isso está certo, em partes. Seu perfil é um espaço público-privado, sendo assim, suas postagens normalmente refletem valores e comportamentos, algo que é compartilhado por uma empresa. Ela possui valores e posturas que também são público-privadas. A chave está no bom senso.

Vale lembrar que a única pessoa que faz separação de perfil pessoal e profissional é você. Seus clientes ou possíveis contratantes enxergam o todo.

Veja algumas dicas que podem ajudar você a ampliar suas chances dentro do mercado de trabalho através das redes sociais:

  1. MANTENHA SUAS EXPERIÊNCIAS PROFISSIONAIS, CURSOS E APERFEIÇOAMENTOS SEMPRE ATUALIZADO: assim como como você registra momentos de diversão com amigos e família, um ponto bastante importante observado pelos contratantes são a forma como você conduz sua busca e crescimento profissionais. Registre cursos, momentos de estudo e atualize suas redes sociais constantemente.
  2. NETWORKING É FUNDAMENTAL: contacte pessoas, faça amizades e interaja com conteúdos relevantes. Uma das melhores estratégias de marketing é o CONTEÚDO. Isso é válido também para você. Gere envolvimento, compartilhe dicas e eventos.
  3. CRIE UMA CONTA NO LINKEDIN: essa é uma dica valiosa. O LinkedIn é uma das plataformas mais importantes de relacionamento profissional. Em algumas regiões já é comum a substituição do currículo por uma conta no LinkedIn. Em breve estarei postando um guia de como criar uma conta atraente para novas negócios, parcerias ou, até mesmo, uma nova oportunidade no mercado.

Com essas dicas você pode melhorar seu posicionamento e, principalmente, conquistar novas oportunidades, mas gostaria de saber sua opinião: você tem encontrado dificuldade em conseguir oportunidades de trabalho nas redes sociais? Se sim, compartilhe conosco. Assim poderemos te ajudar.

Sucesso e paz!

Clique aqui para comentar ( )