Tá com seu celular na mão? – Design CultureTá com seu celular na mão? – Design Culture
Publi e MKT

Tá com seu celular na mão?

Se você está lendo este artigo pelo celular, então não há nada de novo sob o sol. De uns tempos para cá, o celular, ou melhor, os smartphones, deixaram de ser “luxo” e passaram a ser elementos básicos para o dia a dia, como andar sempre com a sua identidade, por exemplo. Além das tradicionais ligações, se você quer ouvir música, tirar fotografias, fazer ou assistir vídeo, mandar mensagem, fazer transações bancárias e etc., lá está ele sendo 1000 funções em 1, bem na palma da sua mão.

É preciso que as empresas saibam o costume do seu público e qual é essa necessidade de ter sempre um smartphone consigo. A empresa precisa ir aonde o seu público está e, se ele não sai do celular, é lá que ela vai agir.

Quando falamos sobre “qual a necessidade de ter sempre um smartphone consigo”, estamos falando de experiências, ou seja, o que eles tanto fazem no celular. Eles não saem das redes sociais? Preferem aplicativos facilitadores do dia dia? Passam horas jogando? Só usam a calculadora?

Em tempos tecnológicos como hoje, estratégias voltadas ao mobile devem fazer parte do planejamento de toda a empresa, pois o investimento é mais que válido já que grande parte da população só larga o celular para dormir.

Com isso, não estamos falando só de anúncios. Estamos falando também de consumo de conteúdo online. As páginas nas redes sociais devem estar cada vez mais humanizadas, tudo para estreitar a relação BC2 (business-to-customer).

Por isso, se sua empresa ou a empresa em que você trabalha não faz absolutamente nada voltado ao mobile, existem chances enormes delas estarem perdendo não só tempo, mas também desperdiçando verba em mídias “tradicionais” mas não tão mais eficazes assim.

 

 

Clique aqui para comentar ( )