Comportamento

18 perguntas essenciais em entrevistas para Designer Gráfico (com respostas!)

Chega de ficar inseguro nas entrevistas de emprego! Neste artigo eu vou te mostrar perguntas frequentes em entrevistas para Designer Gráfico, para que você saiba a melhor forma de se apresentar com confiança entusiasmo nas suas próximas oportunidades!

(Perguntas sobre Processo Criativo)

1. Descreva seu processo criativo desde o Briefing inicial até a entrega final das peças

Esta pergunta foi criada para obter uma compreensão geral do seu fluxo de trabalho e garantir que você seja orientado a detalhes, metódico e bom em gerenciar seu tempo. Os entrevistadores esperam que você fale sobre muitas das etapas a seguir:

  1. Resumo do projeto (entrevista com o cliente):É aqui que você trabalha com o cliente para obter o máximo de informações possível sobre o problema que ele está tentando resolver e o que ele está tentando alcançar. As entregas exatas (arquivos, ativos, documentos de suporte etc.) também são especificadas durante esse estágio. Quando nos referimos a um “cliente”, isso não significa necessariamente que alguém lhe paga diretamente. Pode ser qualquer parte interessada na tomada de decisão – como seu chefe – que acabará assinando seu projeto.
  2. Brainstorming (busca inicial de ideias): A etapa do brainstorming é o local em que todas as anotações breves do projeto são analisadas e ocorre um design inicial “aproximado”. Podem ser maquetes, esboços ou qualquer outra coisa relevante. O cliente deve estar envolvido neste estágio para garantir que todos estejam na mesma sintonia.
  3. Fase do Design: O processo de design real em que as ideias iniciais de brainstorming são transformadas no design “final”.
  4. d) Feedback: É necessário algum tipo de loop de feedback, onde o cliente pode solicitar alterações ou fornecer informações na direção do projeto. Se você estiver trabalhando em colaboração com outros designers, isso também deve incluir feedback da sua equipe. Nesta parte, você podde mencionar como você administraria seu tempo para cumprir um cronograma. Por exemplo, se o trabalho levar duas semanas, elabore um plano para quantos dias serão realizados os estágios de briefing, design, feedback e alterações.
  5. e) Entrega: Essa é a hora em que as peças são concluídas e entregues ao cliente em qualquer formato que tenha sido acordado.

2. Descreva como seu processo criativo seria diferente sob pressão extrema do tempo.

Como os projetos mais complexos, os projetos de design são regidos pelas forças opostas do tempo x qualidade. Menos tempo é igual a menos qualidade (ou originalidade, inovação, etc.). Esta pergunta está testando se você entende as realidades comerciais do mundo do design orientado por prazos.

Deixe claro para o entrevistador que você entende que os compromissos geralmente precisam ser feitos, mas que pode depender muito da expectativa do cliente. Você também deve salientar que seu foco está sempre em resolver o problema de design com eficiência para alcançar o resultado desejado para o cliente. Ser perfeccionista quase nunca é um trunfo quando se trabalha em design comercial.

3. Como você sabe quando o seu design termina?

Uma ótima maneira de responder a essa pergunta é dizer que um design é concluído quando você tem certeza de que resolve o problema e atende aos objetivos do cliente. Não há problema em brincar dizendo que seus projetos “nunca terminam, apenas são abandonados” haha mas definitivamente não fazem disso o foco de sua resposta.

4. Quais são as perguntas mais importantes que você faria a um cliente ao discutir um projeto?

Esta pergunta está testando se você está focado em tentar resolver o problema específico que o cliente possui e fornecer os resultados que procura. Sua resposta deve incluir muitas das seguintes perguntas, por exemplo:

  • Que problema você está tentando resolver? – Por exemplo, você está perdendo clientes ou não está atraindo o tipo certo de clientes?
  • Quais são seus objetivos e expectativas para o projeto? – Por exemplo, você espera um aumento da conversão, uma pontuação mais alta no NPS ou atrairá um novo público-alvo?
  • Quem é o público? – Idade, sexo, localização, status econômico, etc
  • Que humor você está tentando transmitir? – Por exemplo, é emoção, seriedade, diversão ou nervosismo? Isso pode ser algo que eles não sabem e precisam da sua ajuda para descobrir!

5. Como você mede o sucesso do seu trabalho de design?

Como a pergunta anterior, isso também foi projetado para entender se você está focado em fornecer soluções bem pensadas para os problemas. A melhor resposta é dizer que um design bem-sucedido alcança os resultados esperados pelo cliente. Também é ótimo dar alguns exemplos específicos aqui, como aumento da conversão ou feedback positivo do cliente final.

6. Você é solicitado a criar algo, mas quase não recebe direção ou contexto. O que você faz?

Infelizmente, receber pouca  informação ao iniciar um projeto de design não é incomum. Concentre sua resposta em como você começou com brainstorming, modelos ou esboços (o que for relevante para o seu processo) e use a iteração e o feedback do cliente para ajudá-lo a descobrir as metas de design do projeto à medida que avança.

(Perguntas sobre como receber feedback)

7. Você discorda fortemente de alguns comentários de design que recebeu de uma parte interessada importante. O que você faz?

Esta pergunta foi criada para testar o quão flexível e disposto você está para ouvir. Deixe claro que você nunca é apegado demais em relação ao seu trabalho e nunca recebe críticas como um ataque pessoal. Se as alterações solicitadas ainda atingirem os objetivos do design, será um prazer incorporá-las ao design. Se você realmente discorda, o melhor é voltar ao resumo do design e ter uma discussão racional sobre se as mudanças ajudarão ou dificultarão os objetivos do projeto.

(Perguntas sobre Portfolio)

8. Me mostra o seu portfólio e me conte sobre cada peça.

Ao discutir seu portfólio – como sempre -, é importante vincular sua discussão ao problema que você estava tentando resolver para o cliente e como foi resolvê-lo. Se possível, também fale sobre quaisquer dados que você precise medir o sucesso de cada design.

9. Qual é a sua peça favorita no seu portfólio e por quê?

Uma ótima resposta para essa pergunta é falar sobre a peça que obteve os melhores resultados tangíveis para um cliente. Também é igualmente válido se empolgar com uma peça que foi particularmente inovadora ou você acha simplesmente incrível. Apenas certifique-se de articular claramente por que é o seu favorito – e novamente – qual problema você estava tentando resolver.

10. Se você tivesse que cortar uma parte do seu portfólio, qual seria e por quê?

Uma boa abordagem aqui é escolher uma peça que proporcione um ótimo resultado para o cliente, mas que você pessoalmente se sinta menos inspirado. Cortar uma peça bem-sucedida mostra que não há fraqueza no seu portfólio, mas também que você está animado para produzir um trabalho inovador e inspirador.

(Perguntas sobre Trabalho em Equipe)

11. Você já trabalhou em uma equipe multifuncional? Nesse caso, descreva a estrutura da equipe e como você se encaixou no processo de entrega.

Esta pergunta foi criada para entender se você trabalhou em uma equipe com não designers, como gerentes de produto, engenheiros, web designers ou redatores. Lembre-se de como você colaborou com sucesso com a equipe para concluir um projeto. Concentre-se no gerenciamento de tarefas, agendamento e feedback. Se a equipe tiver gargalos ou obstáculos, discuta-os e ofereça soluções sobre como eles podem ter sido resolvidos.

12. Como você colaboraria com sucesso com um colega designer que tem uma visão muito diferente para o projeto?

Assim como na pergunta sobre receber feedback, é importante deixar claro que você é um jogador da equipe que não é movido pelo ego e deseja o melhor resultado para o projeto. Se houver discordância real, a melhor abordagem é revisitar os objetivos do projeto e ter uma discussão racional sobre o melhor caminho a seguir. Enfatize que você nunca vê a crítica como um ataque pessoal às suas habilidades de design.

(Perguntas sobre Desenvolvimento Pessoal)

13. Como você se mantém atualizado com as últimas tendências de Design Gráfico?

Esta é uma ótima oportunidade para demonstrar que você está aprendendo e se mantendo atualizado constantemente com as últimas tendências de design. Mencione os designers que você segue nas mídias sociais, os sites de design que você acompanha, as conferências ou os encontros que você participa e os cursos que você fez no seu tempo livre.

14. Quais são as habilidades mais importantes que um designer gráfico deve ter?

Além das habilidades técnicas óbvias, talento e experiência em design, uma ótima maneira de responder a essa pergunta é enfatizar suas habilidades de comunicação. Boas habilidades de comunicação são vitais para os designers ajudarem a comunicar a visão, obter adesão das partes interessadas e ajudar o cliente a articular o que eles estão tentando alcançar.

15. Qual é a sua maior fraqueza como designer gráfico?

O truque aqui é realmente descrever uma fraqueza real – todo mundo tem uma – mas verifique se ela é uma que não interfira na sua capacidade de fazer um ótimo trabalho. Os entrevistadores responderão muito melhor a uma resposta honesta do que a evasiva. Apenas deixe claro que você está sempre trabalhando em suas fraquezas e tentando melhorar. Dê exemplos concretos, se puder.

Por exemplo:

“Estou acostumado a trabalhar em ambientes de ritmo acelerado e preciso ter certeza de que sou tolerante com as pessoas que trabalham mais devagar.”

Ou “Sou extremamente organizado e focado como designer, mas preciso melhorar para garantir que chegue às reuniões pontualmente e fique por dentro dos emails. Recentemente, comecei a usar lembretes de agenda para agendar minhas tarefas não relacionadas ao design.”

16. Quem são seus heróis de design gráfico e por quê?

Não há respostas erradas aqui, mas certifique-se de fornecer uma resposta bem pensada sobre o motivo pelo qual você ama o trabalho desse designer em particular. Também pode ser uma oportunidade para mostrar seu conhecimento da história do design gráfico.

17. Quais são as suas identidades de marca favoritas e por quê?

Se você está sendo entrevistado emprego em uma empresa com forte identidade de marca, tente criar uma resposta que destaque os paralelos com a marca. Isso mostra que você realmente entende o que torna a marca única, interessante ou importante.

18. Como você vê o design gráfico mudando nos próximos 25 anos?

Vemos essa pergunta com mais frequência do que você imagina. É uma oportunidade para você demonstrar entusiasmo por novas tecnologias e novas formas de trabalhar. VR, AR e outros novos tipos de interfaces visuais são ótimos tópicos a serem discutidos. Mencionar o papel que a Inteligência Artificial e a automação podem desempenhar no setor de design gráfico também é uma ótima maneira de mostrar que você está pensando no futuro.

Espero que essas perguntas de entrevista te ajudem a estar melhor preparado e menos nervoso na sua próxima entrevista de emprego. O principal argumento é sempre tentar focar suas respostas em como você resolve problemas de design para atingir a meta ou os resultados desejados do projeto. Se você puder fazer isso, sempre se mostrará profissional, focado nos resultados e participando da equipe. ;) Boa sorte!

Clique aqui para comentar ( )