Inspirações

3 Ferramentas essenciais para todo site e porque você não deve economizar na contratação delas

Todo dono de site, seja em seus momentos iniciando ou mantendo seu negócio online, tende a querer ferramentas mais baratas para fazer funções simples e/ou básicas. É comum e, com certeza, você já se viu pesquisando por “plugin grátis wordpress” ou ordenando as listas do mais barato para o mais caro.

Ninguém quer gastar à toa e, em tempos de crise, ninguém pode se dar a esse luxo.

Porém, determinadas ferramentas não podem ser escolhidas do mais barato para o mais caro pela importância que elas têm para o seu site.

Você sabe quais são?

HOSPEDAGEM DE SITES

Se você tem bastante tráfego no seu site ou pretende ter, nada mais justo que tratar bem os usuários que acessam seu site, certo?

É possível começar seu site com uma hospedagem barata (ou até grátis) e depois migrar para uma opção mais robusta? É. Mas você deve se preparar para essa migração e, geralmente, quando falamos de SEO, migrações podem ser um problema.

Então o que devo fazer?

Nossa sugestão hoje é que você invista em uma hospedagem escalável. Existem várias empresas que, com o apertar de um botão, você aumenta seu espaço nelas e não precisa se preocupar em ter quedas de servidor e prejudicar a frequência que seu site está disponível para seus clientes.

Duas ótimas sugestões escaláveis são:

Cloudways

O serviço da Cloudways é basicamente intermediar servidores, fazendo com que você não precise ter um programador à disposição para resolver problemas. O suporte via chat online deles é 24 horas por dia, uma mão na roda para quem gosta de fazer sites de madrugada (como eu). É legal destacar também que eles migram 1 site seu de graça e, se for WordPress, tem um plugin que facilita bastante a vida na hora da migração de servidor.

Umbler

Se você gostou da ideia mas não quer tentar arriscar o Google Tradutor e falar Inglês com o pessoal da Cloudways, a Umbler é sua opção. O serviço é bem parecido, mas com suporte (muito bem elogiado) em Português do Brasil.

A conta Site Pro custa R$ 6 por mês (muito barato) e, quando seu site se tornar um sucesso, você migra para a Cloud Sites!

E por que não ter uma hospedagem grátis?

Você pode ter uma hospedagem grátis. Porém, ela traz alguns problemas:

  • Por ser grátis, é muito utilizada para SPAM. Então, por ter “maus vizinhos”, você acaba tendo dificuldades de SEO para fazer seu site trazer mais visitas;
  • Quando você finalmente consegue mais tráfego, o site cai;
  • Se você precisar de suporte, provavelmente terá menos atendentes disponíveis para te ajudar;

Então,

Ainda pensando em tratar bem seus visitantes do seu site, que tal ter um chat online para interagir com eles em tempo real?

CHAT ONLINE

Chats online são ótimas ferramentas para você não deixar seu cliente no vácuo. Passamos do tempo em que era necessário fazer uma ligação e esperar por horas para que o Call Center tirasse uma dúvida rápida.

Ter uma seção de Dúvidas Frequentes é importante, mas muitos usuários são preguiçosos (muitos para não dizer todos). É difícil alguém que goste de ler longos textos na tela do computador ou que se preste a procurar pelo que precisa dentro do seu site por mais de dois minutos.

Eu mesmo, caso não encontre, volto para a busca do Google e tento novamente até cair em uma landing page mais específica para o que eu busco. Você nunca fez isso? (não vale mentir).

Então, vamos às melhores opções de chat online disponíveis no Brasil, hoje:

JivoChat

É até injusto chamar o JivoChat de chat online. A ferramenta tem tantas funcionalidades e integrações que ela se tornou uma ferramenta de comunicação omnichannel.

Nas integrações já podemos citar o Facebook Messenger e o Telegram, logo de cara. Ou seja, seu visitante acessa o site (que está disponível porque você tem uma hospedagem boa) e percebe o chat online ali embaixo, na direita. Te deixa uma mensagem e pode continuar a conversa no Facebook dele, sem precisar voltar ao seu site!

CLIQUE AQUI E CONHEÇA O JIVOCHAT (O CHAT QUE USAMOS AQUI NO DESIGN CULTURE)

Ou ele navega um pouco pelo site e recebe um Convite Proativo, como no exemplo abaixo:

Du-vi-do alguém responder: “tô dando só uma olhadinha”.

O preço da JivoChat é bem barato se comparado com outros concorrentes, saindo por R$ 29,40 por mês, por operador, tendo desconto se pagar o ano todo logo de cara.

Você pode entrar hoje no site e instalar a versão grátis que há um tempo de testes de 14 dias da versão Profissional. Você vai se apaixonar.

Liveperson

Similar ao JivoChat, a ferramenta americana conta com ótimas funcionalidades e integrações como SalesForce e Facebook, voltado para empresas que já monetizam mais agressivamente seus usuários.

Ela permite que você entre em contato com os seus clientes com relativa facilidade. Apesar de não ser a opção mais barata desta lista, a verdade é que o grande número de funcionalidades pode compensar esse preço se você as utilizar todas.

Preço: Tem um período de teste de 15 dias e depois o preço começa nos 64 dólares por mês.

PRODUÇÃO DE IMAGENS

Um site com imagens ruins é tão ruim quanto um site sem imagens. Há um padrão implícito em e-commerces e sites de vendas online em que utiliza-se imagens com fundo branco para dar destaque nos detalhes dos produtos, mas isso nem sempre precisa ser a regra final.

 

 

Sites como FARM RIO investem pesadíssimo em produção de imagens para impressionar o visitante. Todos os produtos e banners são tratados digitalmente e isso aumenta muito as vendas, como conta Thales, Head de CRO da agência contratada para reformular o site da empresa:

“Como conteúdo e varejo têm dividido o mesmo espaço, tentamos deixar a linha o mais tênue possível entre os dois. Se o usuário está no blog ou na revista ele consegue comprar sem intersecção ou quebra alguma em sua navegação. A ideia era dar mais liberdade ao cliente”, completa Thales, o forte.

Sem uma página de Carrinho tradicional, que no caso da Farm chama-se Mochila, poucos cliques separam o usuário de sua compra. “Na página do Look Book, por exemplo, uma vitrine virtual com imagens conceituais, os usuários tem a opção de comprar o produto que lhe agradar ali mesmo”, conta Thales.”

Se você está pensando que poderia melhorar as imagens do seu site, então siga esses 3 passos rápidos:

 

  • Contrate um fotógrafo

 

Nem precisa procurar na Internet para encontrar soluções alternativas para tirar as fotos você mesmo, na sua casa. Não faça isso. Invista dinheiro na qualidade das fotos dos seus produtos que esse valor vai retornar rapidamente para seu bolso!

 

  • Tenha imagens interativas

 

Se seu produto é interessante de ser visto em 360º (como calçados, celulares ou até mesmo comida), vale a pena disponibilizar para seus cliente essa visão interativa dele.

 

  • Perca a vergonha de fazer vídeos

 

É bem difícil fazer o primeiro vídeo do seu produto, mas deixe a vergonha de lado e passe essa barreira. Mostre para alguns amigos, pegue alguns feedbacks e faça um novo vídeo.

Se o seu produto é complexo, muito mais vale um vídeo explicando como ele é montado ou como ele funciona do que um manual de 20 páginas.

Clique aqui para comentar ( )