A história da primeira ID. Visual do mundo

Olá, pessoas!

O branding e id visuais hoje são bem disseminadas e muito conhecidas por nós, profissionais criativos. Vemos mega empresas investirem pesado nessas áreas e os resultados que esse investimento massivo proporciona para essas grandes corporações.

Mas você já se perguntou de onde surgiu isso? Qual foi a primeira Id. Visual que existiu? O que gerou o que conhecemos hoje como branding?

Essas e outras perguntas eu vou tentar responder hoje. #VamosNessa!

A empresa que começou tudo

Fonte: Anderson 2000

Em 1907, na Alemanha, a empresa AEG viu que precisava se diferenciar dos seus concorrentes e contratou o designer Peter Behrens para projetar a sua marca. Mas não apenas projetar o logo, mas dirigir a comunicação de anúncios, embalagens e todo o material de publicidade da empresa.

Fonte: Research Gate

Essa atitude foi bem diferente do que outras empresas faziam no tempo, pois a maioria só pensava em ter um logo e não ligava muito para as aplicações nos materiais internos e externos, além da gestão criativa dos negócios.

Peter Behrens – Designer do projeto. Fonte Famous Architects

A AEG foi pioneira em criar o que chamamos hoje de identidade corporativa – uma área que visa trazer um senso estético e uma filosofia visual para a empresa (nome bonito esse, né?)

Junto com um time de profissionais diversos, Peter liderou uma série de estratégias para o reconhecimento mais rápido daquela marca, dando-lhes um novo “estilo” que alcançaria a produção, comunicação, mensagens, objetos e todo o institucional daquela empresa.

Materiais desenvolvidos no projeto. Fonte: Clube do Design

O início do que chamamos hoje de branding

O seu trabalho foi pioneiro e até hoje serve como objeto de estudo e uma das primeiras origens do que conhecemos hoje como branding, que em resumo se caracteriza como a gestão da marca incluindo seus vários elementos (id visual, posicionamento, gestão e por aí vai…).

Artefatos de design desenvolvidos no projeto. Fonte: Google Imagens.

Esse é o primeiro exemplo de como o gerenciamento de toda uma empresa alinhada   a estratégias de design fez com que tudo, desde o seu interior ao exterior fosse mudado e transformado com uma única personalidade e indo pra o mesmo local. Exatamente o que vemos grandes corporações fazendo hoje, só que, claro, com muito mais dinheiro, conhecimento, estratégia e profissionais envolvidos.
_____

É bom saber de onde uma das áreas mais atuantes do design mundial veio e os suas marcas no que fazemos até hoje. Esse conteúdo é um breve resumo de uma história que vem de muitos anos atrás e que ainda impacta o nosso senso profissional.

Se curtiu, manda pra seus amigos e nos grupos de design da faculdade ou no velho “zap”. Tenho certeza que vai ajudar muito.

___
Materiais de apoio
– Branding + Design, de Sandra Ribeiro Cameira – 2016
http://convergencias.esart.ipcb.pt/?p=article&id=278

– https://www.researchgate.net/figure/Figura-2-Projeto-de-Design-total-de-Peter-Behrens-para-AEG-Fonte-Enciclopedia-Britannica_fig2_314885261

Related posts

Dengo Chocolates lança primeira trufa com embalagem zero plástico do mercado

A’ Design Awards & Competition – Vencedores

Quando a Inovação pode se tornar um problema? – UI Design