Cinema e Séries

As Panteras – Girl Power no Cinema

A convite da Primepass, o Design Culture aproveitou essa semana para assistir ao filme recém estreado nos cinemas do Brasil, As Panteras.

Na década de 1970, a série “As Panteras” retratava as missões de um grupo de mulheres espiãs, papel que antes era só representado por homens, e que não só projetou as estrelas Jaclyn SmithFarrah Fawcett-Majors e Kate Jackson como deu a possibilidade dessa história ganhar futuros derivados.

Nos anos 2000, Cameron DiazDrew Barrymore e Lucy Liu representaram no cinema a narrativa sobre as detetives particulares.

E agora em 2019, com roteiro e direção da atriz Elizabeth Banks, o filme ganhou um novo e repaginado capítulo.

Kristen Stewart é Sabina, a irreverente e engraçada do grupo; Ella Balinska é Jane, uma ex-agente do MI6 e tecnicamente a mais forte; e Naomi Scott é a caloura Elena, a funcionária de uma empresa de tecnologia que descobre que o projeto de energia sustentável no qual criou e desenvolveu, pode ser usado para atos violentos. Lideradas por Bosley, personagem de Elizabeth Banks, elas tentarão impedir que esse protótipo caia em mãos erradas.

Para quem esperava uma releitura ou continuação dos filmes anteriores, teve uma agradável surpresa em assistir uma nova história, mas que ainda remetesse ao já conhecido formato de sucesso, com o acréscimo do tema em alta, o forte poder e impacto feminino na sociedade.

As cenas de ação são bem desenvolvidas e as piadas são bem incluídas no roteiro. No entanto, o que mais chama atenção para os fãs da franquia são as homenagens carismáticas, referências às produções anteriores e participações especiais.

A missão de entreter e apresentar uma novidade foi cumprida, já que As Panteras diverte, impressiona o telespectador com a ação, cenários ao redor do mundo e abre portas para um nova sequência para quem há tempos acompanha essas espiãs.

Clique aqui para comentar ( )