Linha X dá as caras novamente. Dessa vez em sua mais recente versão, o Moto X4 – Design CultureLinha X dá as caras novamente. Dessa vez em sua mais recente versão, o Moto X4 – Design Culture
Tecnologia

Linha X dá as caras novamente. Dessa vez em sua mais recente versão, o Moto X4

Após dois anos sem ter notícias da linha Moto X, a Lenovo decidiu reviver o aparelho em 2017 com um ar completamente novo e elegante.

Design

Com um design chamativo e mais bonito, o novo Lenovo Moto X4 veio para marcar a volta de uma das linhas mais conhecidas e amadas da Motorola/Lenovo.

Contando com um corpo em vidro na frente e na traseira e metal nas bordas, não há como negar que o novo aparelho é muito bonito e elegante. Apesar do vidro frontal não ser 2D ou a tela ocupar toda a frente do aparelho como temos visto, o Moto X4 não fica para trás em termos visuais. O metal bem lapidado e liso fosco arredondado nos cantos, juntamente com o vidro traseiro 3D com efeito reflexivo, tornam o conjunto muito interessante.

Apesar da grande área ocupada pelas duas câmeras na traseira, acompanhadas pelo flash dual-LED, isso não deixa o aparelho feio, muito pelo contrário. Por essa área também contar com um efeito reflexivo, mais comumente visto em aparelhos da Asus, isso deixa o visual das câmeras muito mais bonito interessante, a ponto de fazer o usuário querer ficar olhando para a área e mexendo o aparelho para ver tal efeito. Para completar o pacote o aparelho conta com certificação IP68, o que permite imersões do aparelho em água doce por no máximo meia hora (trinta minutos), em até 1,5 metros de profundidade. Disponível nas cores Preto e Cinza (Topázio), o aparelho será uma ótima opção para as pessoas que buscam tanto beleza quanto funcionalidade em um aparelho.

Configurações

O aparelho vem embalado com o famoso Qualcomm Snapdragon 630 (que compõe grande parte dos aparelhos intermediários e intermediários-premium da própria Lenovo e outras fabricantes) Octa-core de 2.2Ghz, 3GB de memória RAM, GPU Adreno 508 e 32GB de armazenamento interno (com cerca de 16GB disponíveis para o usuário), podendo ser expandido em até 2TB com o uso de cartão microSD.

Com essas configurações somadas ao Android em sua versão 7.1.1 Nuggat (sem previsão para a chegada do Oreo) praticamente puro adotado pela Lenovo, o aparelho deve ser capaz de desempenhar tarefas do dia-a-dia com certa fluidez, considerando seu posicionamento atual.

Tela

Sendo uma tela LCD IPS de 5,2 polegadas Full HD com Gorilla Glass, o Moto X4 apresenta cores equilibradas e mais realistas. Diferente de alguns de seus antecessores, que contavam com telas AMOLED, o que providenciava uma tela mais energeticamente econômica e mais vibrante com altos níveis de contrastes. Mas isso não deixa o aparelho para traz de modo algum já que a qualidade e a lealdade das cores devem tornar a tela muito agradável aos olhos.

Câmeras

null

Na frente o aparelho conta com uma câmera frontal de 16MP de abertura f/2.0, Flash e diversas funções de captura como a Selfie Panorâmica, por exemplo, para que você e todos seus amigos se enquadrarem perfeitamente na foto. Já nas suas duas câmeras traseiras, provavelmente um dos maiores destaques do aparelho, o Moto X4 conta com uma câmera de 12MP de abertura f/2.0 e uma câmera de 8MP grande angular de abertura f/2.2. Com esse conjunto, mais o flash dual-LED, Lenovo espera que o usuário leve suas fotografias à um outro nível, podendo usar de um modo Pro e dos recursos de desfoque, o que pode dar ainda mais beleza às imagens tiradas do aparelho, entre outros.

Bateria

O novo Moto X4 vem com uma bateria de 3.000mAh, o que não é muito grande mas deve ser capaz de suportar um dia de uso mediano tranquilamente.

Posicionamento

Em 2015, a Motorola/Lenovo havia separado o posicionamento dos aparelhos da linha X entre top de linha, com o Moto X Style, e intermediário, com o Moto X Play. Além do preço, os aparelhos tinham algumas diferenças nas configurações e design, onde o Style era mais poderoso em termos de processamento e um pouco mais refinado no design. Isso já foi o suficiente para o estranhamento de alguns fãs da linha na época, já que os aparelhos anteriores tinham como principais características, os recursos de voz e o alto desempenho por um preço mais justo. O novo smartphone da linha, desta vez, veio com algumas controversas, já que, pelo menos em sua versão nacional, não inovou com os famosos recursos exclusivos acessados através de comandos de voz e entrou de vez no mercado de aparelhos intermediários, o que também vem causando vários questionamentos sobre o que a Lenovo almeja colocando vários aparelhos semelhantes em termos técnicos no mesmo nicho de mercado e faixa de preço, mesmo com ótimos diferenciais. É um risco que a empresa está tomando, considerando que pode confundir o consumidor a ponto de do mesmo não notar os diversos diferenciais de cada aparelho para o fazer optar pelo aparelho mais recente, por exemplo.

 

O Moto X4 já esta disponível nos maiores varejista pelo valor sugerido de R$ 1.699,00

Clique aqui para comentar ( )