Inspirações

Em um relacionamento sério com a Terra

Será que estamos envolvidos realmente num relacionamento sério como a Terra?

No dia 22 de Fevereiro a Agência Espacial dos Estados Unidos (NASA), divulgou a descoberta de um sistema na constelação de Aquário, contendo sete planetas, sendo três em condições propicias a habitação. Essa notícia nos deixa surpreendidos, mas nos leva a refletir sobre como temos cuidado do nosso planeta.

A revolução industrial trouxe uma nova visão para natureza, esta passa a ser fonte de recursos e o campo é trocado pelas cidades. Surge uma economia que não tem interesse na preservação ambiental, mas nos lucros que vem da exploração da natureza e do consumismo.

O resultado dessas ações, infelizmente, é a crise ambiental que se manifesta através do aquecimento global, desmatamento das florestas, aumento do lixo, poluição do ar, da água, dos solos, entre outros, atingindo direta ou indiretamente a biodiversidade do Planeta.

O meio ambiente se modifica para melhor ou para pior com a intervenção do ser humano, a consciência ambiental precisa ser entendida como uma possibilidade de garantir a manutenção e a preservação na relação ser humano/natureza.

Hoje iniciativas são implementadas pela indústria e governo, para incentivar e promover a consciência ambiental, um exemplo é a política dos cinco R’s, onde o Ministério do Meio Ambiente tem por objetivo gerar uma mudança de hábitos no cotidiano dos cidadãos. Princípios do processo educativo da política dos cinco R’s:
1. Reduzir;
2. Repensar;
3. Reaproveitar;
4. Reciclar;
5. Recusar consumir produtos que gerem impactos socioambientais significativo;

Essas questões são tão atuais, que dia 1º de Março foi lançada a Campanha da Fraternidade 2017, com o tema “Fraternidade: biomas brasileiros e a defesa da vida” e tendo como lema “Cultivar e guardar a criação”, pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Cartaz Campanha da Fraternidade 2017

A conscientização começa a gerar ações a favor da natureza e principalmente em favor de uma vida melhor na Terra. Como cidadãos, consumidores e eleitores, temos a oportunidade de tomarmos as decisões corretas para a evolução de uma sociedade consciente, de que fazemos parte da natureza e devemos agir a seu favor nessa relação.

Como sabiamente falou Mahatma Gandhi, “Seja a mudança que você deseja ver no mundo”.

Clique aqui para comentar ( )