Cinema e Séries

Quem é que dita as regras?

www.shutterstock.com

Já abordamos aqui em alguns artigos a importância da experiência do usuário, como as empresas devem se questionar sobre isso e buscar sempre entregar da melhor forma possível os seus produtos e serviços.

Mas recentemente um caso em especial chamou a nossa atenção, o controverso filme live-action do Sonic está sendo produzido e recentemente ganhou imagens de divulgação junto com seu primeiro trailer.

A reação do público não foi nada positiva, onde o visual do ouriço azul virou até piada na internet.

Visual do Sonic em seu filme live-action (Foto: www.irnpost.com)

Não é novidade para ninguém que os filmes inspirados em jogos de vídeo games nunca se deram muito bem, temos exemplos como Super Mario Bros de 1993 e Street Fighter de 1994 que não nos deixa mentir.

Cena do filme Super Mario Bros de 1993 (Foto: www.dualshockers.com)

Mas o que diferencia esses casos antigos do caso do filme do Sonic?

Hoje não temos mais uma comunicação passiva, as empresas falavam o que queriam para o seu público no passado e não tinham diálogos ou interações com o mesmo.

Tudo mudou por causa da internet e agora a resposta é imediata e relevante, se o público não gostar ele vai falar, sendo que a empresa que não conseguir compreender esses novos tempos está sujeita a ser esquecida ou ignorada totalmente.

O diretor Jeff Fowler talvez tenha entendido isso um pouco tarde, porém ele ouviu as críticas do seu público e resolveu adiar o filme para refazer totalmente o visual do personagem principal do seu longa.

Nos anos 90 isso era inimaginável, nunca que o público iria ditar como um filme deve ser ou não, isso sem contar que a estreia já estava próxima, mas como eu disse anteriormente, os tempos são outros!

Agora a grande questão é se antes de desenvolver todo esse projeto alguém mostrou esse visual para os fãs?

Afinal são eles os mais interessados em ver esse filme acontecer!

Nós como criativos temos que estar cada vez mais próximos do nosso público, realizar de fato uma imersão dentro do universo para qual vamos produzir e nunca esquecer de testar nossas soluções, com certeza as chances de sermos mais assertivos será bem maior.

Clique aqui para comentar ( )