IF Design Award 2017
Design

27 projetos brasileiros premiados no iF Design Award 2017

Revista Marimbondo, projeto Oeste

Neste ano o iF Design Award premiou 27 projetos brasileiros dos 81 inscritos, sendo que um deles recebeu o iF Gold Award que é o prêmio máximo da competição. O prêmio, um dos mais conceituados do mundo, foi criado em 1953 na cidade de Hannover, na Alemanha, país berço do design moderno.

Com a participação de 59 países e 5575 inscritos nas categorias produto, embalagem, comunicação, arquitetura de interiores, design de serviços, arquitetura e conceito profissional, os 58 jurados internacionais, entre eles o designer brasileiro Levi Girardi do escritório Questto|Nó, avaliaram os projetos numa verdadeira maratona de quatro dias para definirem os vencedores. Como critérios de avaliação foram considerados: inovação, funcionalidade, estética, responsabilidade, posicionamento e valorizados alguns fatores como qualidade, custo, efeitos ambientais e uso amigável.

A cerimônia de premiação aconteceu no Museu da BMW em Munique, na Alemanha. Todas as empresas e profissionais premiados adquirem o direito de usar o selo iF em seus produtos e projetos e passam a participar da plataforma digital de referência iF World Design Guide.

As empresas e designers brasileiros premiados na categoria comunicação foram: saad branding+design, Interbrand, Blackbird Branding, Oeste, Vetor Zero, Itaú Unibanco, Casa Rex, Greco Design, Bel Andrade Lima e David Alfonso Suárez, Pharus Bright Design; na categoria produto: FCA Design Center LATAM, Oppa Design (Mara Louisa Koeber), Em2 Design, Jader Almeida design&arquitetura, Ronald Sasson, Tramontina Teec Design Team (Carlos Barbosa), Lumini (Fernando Prado), Studio Arthur Casas, Foster Designer, Questto|Nó, Mônica Monteiro e Luciano Monteiro / Fernando Ramos Arquitetura, Phonak Suíça; na categoria arquitetura: Estudio Guto Requena; e na categoria conceito profissional: Estudio Guto Requena e D3.

Sistema de sinalização

O projeto vencedor do iF Gold Design Award é do escritório mineiro Greco Design. Trata-se de um sistema de sinalização do Centro de Distribuição da Drogaria Araujo, uma das maiores redes de drogarias do Brasil. A questão era facilitar a circulação dos usuários nas grandes instalações do depósito de armazenamento dos artigos que são distribuídos para os mais de 150 pontos de venda da empresa. Então, o designer Gustavo Grego e sua equipe criaram um sistema de sinalização que usa embalagens de papelão recicladas pela própria empresa diariamente, completando com suportes metálicos e impressão em vinil adesivo, uma solução que responde positivamente a questões como sustentabilidade e baixo custo.

If Gold Design Award Greco Design

Sistema de sinalização do Centro de Distribuição da Drogaria Araújo, projeto Greco Design

Revista Marimbondo

A Marimbondo uma revista sobre arte e cultura em Belo Horizonte, tem um projeto editorial que privilegia a originalidade no trato jornalístico, onde a reportagem principal se desdobra em pequenas matérias por toda a publicação, o que inspirou o escritório Oeste a criar um projeto gráfico conciso, onde todos os elementos estão em sintonia propiciando um jogo dinâmico entre texto, imagem e elementos gráficos.

Revista Marimbondo, projeto Oeste, prêmio iF Design Award 2017

Revista Marimbondo, projeto Oeste

Acabamento de móveis

A Coleção Duppla criada pelo Questto|Nó é um sistema de acabamento de móveis, que facilita, simplifica e agiliza o processo de montagem de móveis residenciais e comerciais, pois dispensa o uso de ferramentas devido ao um mecanismo universal de fixação, capaz de conectar qualquer um dos componentes do sistema aos perfis metálicos.

If Design Award 2017

Coleção Duppla, projeto Questto|Nó

Carnaval pernambucano

Em projeto cenográfico assinado por Bel Andrade Lima e David Alfonso Suárez para o carnaval de 2016 da cidade do Recife, foi homenageado o Maracatu – manifestação cultural afro-brasileira, que inspirou uma identidade visual conectada às raízes e tradições africanas, com ilustrações digitais convertidas em grandes estruturas e distribuídas pelo centro histórico da cidade.

If Design Award 2017

Carnaval do Recife 2016, Bel Andrade Lima e David Alfonso Suárez

Fachada de prédio

No projeto Light Creature do Estúdio Guto Requena, a fachada do WZ Hotel Jardins, na Avenida Rebouças, em São Paulo, foi revestida com chapas metálicas que criaram uma pele pixelada nas cores dourado, azul e cinza, formando um desenho gerado com um software paramétrico a partir da análise dos sons do edifício. Já à noite padrões luminosos são alterados por fatores como os sons, qualidade do ar e interação do público por meio de um aplicativo.

“>http://

 

Clique aqui para comentar ( )