Design Bad Hair Day?

Bad Hair Day?

Por Stephanie Santos

Sabe aqueles dias que você acorda e a sua “juba” esta pior que a do rei leão? Pois é gatinhas do verão, ultimamente o meu cabelo anda assim, tipo…meio revoltado, até mesmo porque resolvi fazer umas mechas nele (por sinal, estou devendo a minha fotoca do novo look), ou seja, meio descontrolado emocionalmente.

Sempre rola uma DR entre meu cabelo e eu, principalmente no horário da manhã quando olho no espelho. Tenho um pouco de dificuldades com minhas madeixas, tenho o cabelo cacheado e muito volumoso, nunca deixo de usar o velho amigo/companheiro leave-in pra poder domar a fera da selva. Kkkk

Às vezes acho que os “cabelos são de lua” tem dia que acorda lindo, como se fossem os da Gisele Bündchen, ou acordam parecendo com o cabelo do palhaço bozó, kkkkk. #ETriste

Mas ai vai umas diquinhas básicas para “domar a fera” nos dias de aflição!

1. Coque

Ele sempre te ajuda nas horas de aflição e fica bem charmoso.

2. Rabo de cavalo

Esse é um dos mais práticos (pelo menos pra mim), é só passar os dedos nos cabelos, levantar pro alto e pronto. Feito.

P.S: Até as princesas tem seus dias de Bad Hair day! :P

 3. Tranças

Não é todo mundo que sabe fazer. Fica bem lindo, pena que não é todo mundo que combina com ela (Tipo eu!!!)

4. Acessórios

Sempre dão um toque pessoal nos cabelos, pode ser tiaras, presilhas, etc. È só usar a imaginação.

5. Grampos

Recentemente no mundo da moda esta rolando uns penteados com grampos a mostra, eu não curto muito, mas como moda é isso, democrática, então vale o que você vai se sentir melhor, para as que não curtem muito os grampo visivelmente nos cabelos, podem usar uns que tenham cores.

Confira também

Deixar um comentário

Portal Design Culture

O Design e a educação movem nossas vidas

 

Orgulho de ser de Pernambuco

Uma empresa embarcada no Porto Digital

Hospedado na Imaginare Digital

inspiração Em seu e-mail

© Portal Design Culture 2023  – Termos de uso e política de privacidade

Layout por: Estúdio IP/M

Desenvolvido por: O Plano A