Design

O Cérebro no limite: saiba mais sobre a Estafa Mental

Costumo abordar nas mentorias e palestras sobre ferramentas e metodologias de produtividade. Diversas delas de simples aplicação, mas todas compartilham da necessidade de um elemento essencial, FOCO. Esse é o desafio de profissionais de todas as áreas, mas o que você talvez não saiba é que, além da procrastinação, o excesso de estresse e trabalho pode tornar você vítima de ESTAFA MENTAL.

De forma simples, a Estafa é quando sua mente fica sobrecarregada por excesso de atividades intelectuais. Diferentemente do estresse, que é momentâneo, a estafa é intensa e constante, ultrapassando a capacidade de resolver problemas simples, assimilação de informações, culminando no esgotamento do cérebro. Como explica o neurocirurgião Fernando Gomes Pinto, do Hospital das Clínicas de São Paulo:

Se os lobos frontais do cérebro são usados em excesso, ele entra em processo de esgotamento e não trabalha direito.

Diversos sintomas podem indicar a estafa, entre eles:

  • Falta de concentração;
  • Problemas de memória;
  • Alterações de humor;
  • Distúrbios do sono;
  • Fortes dores de cabeça;
  • Tontura;
  • Tremores;
  • Falta de ar;
  • Aumento repentino do peso e refluxo.

Ao detectar estas características é importante procurar atendimento médico especializado, visto que, se não tratado e combatido, o esgotamento do cérebro pode levar a doenças como depressão, hipertensão, fobias, ansiedade e doenças cardíacas e gástricas.

Por vezes, em diversas áreas da publicidade, marketing e afins, sofremos uma sobrecarga de informações dadas as necessidades criativas em conjunto ao relacionamento com outros profissionais, supervisores e clientes, mas é fundamental que você realize pequenas pausas para atividades mais reflexivas e relaxantes, equilibrando o desgaste e o tempo de recuperação mínimo necessário.

Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário.

Clique aqui para comentar ( )