Cinema e Séries

Transformers 5 – O Último Cavaleiro | Tiro, porrada e bomba

Existem diversos motivos que levam uma pessoa a ir ao cinema. Um artista favorito, um diretor admirado, um gênero em particular ou, simplesmente, a vontade de se divertir. Com estreia marcada para o próximo dia 20 de julho em todo o Brasil, Transformers 5 – O Último Cavaleiro (Transformers 5 – The Last Knight, 2017) vem para saciar os fãs da franquia atendendo a todos esses requisitos: 3 horas de muitas explosões para quem gosta de Mark Wahlberg e das cenas de ação do diretor Michael Bay.

Arte promocional do filme Transformers 5 – O Último Cavaleiro.

A guerra entre o Autobots e Decepticons ganha mais um capítulo, dessa vez, mostrando a participação dos Transformers na história humana, contando com a ajuda de uma sociedade secreta desde a época do Rei Arthur. Seguindo do ponto onde o quarto filme havia parado, acompanhamos Cade Yeager (Mark Whalberg) e Bumblebee (Erik Aadhal) agindo clandestinamente para ajudar os Autobots, enquanto Optimus Prime (Peter Cullen) vai até Cybertron, seu planeta de origem. Lá, ele encontra Quintessa (Gemma Chan), uma espécie de deusa e criadora de todos os Transformers.

Optimus Prime encontra Quintessa, espécie de deusa de Cybertron e criadora de todod os transformers.

Então, o roteiro de  Ken Nolan, Arthur Marcum e Matthew Hollaway (a partir do argumento de Akiva Goldsmith) nos revela que: 1) A Terra é, na verdade, Unicron, o planeta-irmão de Cybertron;  2) O cajado de Merlin é a chave para recuperar o mundo dos Transformers, mas para isso, a Terra será destruída; 3) Cade é o último cavaleiro e precisa se juntar a Vivian Wembley (Laura Haddock), a herdeira de Merlin para impedir o fim de nosso planeta. Tudo isso, claro, servido com bastante explosões, câmeras lentas, lutas entre robôs gigantes e a presença de personagens conhecidos pelo grande público.

O último cavaleiro e a herdeira de Merlin tentam salvar a Terra.

Os efeitos especiais continuam excepcionais e as sequências de ação são, realmente, de tirar o fôlego, mas os pontos positivos do filme ficam por aqui. Várias situações forçadas, que deveriam servir como alívio cômico para a trama, apenas conseguem deixar Anthony Hopkins (no papel de Edmund Burton, um lorde Inglês que conduz a tal sociedade secreta) bastante constrangido. Até um mordomo meio Jarvis, meio C3PO ele tem! Josh Duhamel e John Turturro voltam aos seus papéis na série, acompanhados de Isabela Moner, que interpreta Izabella, uma garotinha de rua inteligente que cresceu como uma órfã e tem como único amigo Sqweeks.

Constrangimento: Anthony Hokins interpreta sir Edmund Burton, lorde inglês que tem um transformer como mordomo.

Se você se encaixa em alguns dos requisitos apresentados no primeiro parágrafo desse artigo e gosta de tiro, porrada e bomba, Transformers 5 é um prato cheio. Antes de ir, dê uma conferida no último trailer do filme.

 

Clique aqui para comentar ( )